13.9 C
Cachoeira do Sul
sábado, 4 abril, 2020 - 02:43
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • DESTAQUES
  • Divinut apresenta na Expodireto a noz-pecã como alternativa de diversificação

Divinut apresenta na Expodireto a noz-pecã como alternativa de diversificação

Noz-pecã: Divinut apresenta novidades do setor como alternativa lucrativa na Expodireto Cotrijal, de 2 a 6 de março, em Não-Me-Toque / Foto: Divinut/Divulgação

Solo e clima do sul do Brasil são ideais para o cultivo da fruta que tem demanda crescente em todo o mundo

Uma das maiores beneficiadoras de noz-pecã do Brasil e com o maior viveiro de mudas de nogueira-pecã em raiz coberta do mundo, a Divinut, leva uma mostra da pecanicultura para o público da 21ª Expodireto, que acontece de 2 a 6 de março em Não-Me-Toque (RS).

Os produtores rurais poderão ver de perto mudas de nogueiras, com alturas que variam de 80 a 140 centímetros, além de nozes inteiras e aos pedaços, doces, salgadas e in natura para degustação e, ainda, a demonstração de implementos, como coletores de nozes, utilizados nos pomares.

Segundo o engenheiro agrônomo Raul de Lara, Coordenador Agrícola da Divinut, será uma excelente oportunidade para os produtores rurais especialmente dos estados do sul, que tem solo e clima favoráveis para o cultivo da nogueira-pecã. “São condições extremamente adequadas, que oferecem grande potencial para o crescimento da cultura nessas regiões”, aponta o especialista.

Com demanda global crescente, a noz-pecã apresenta-se como forte opção de diversificação das atividades, para que o produtor não dependa dos rendimentos de somente uma cultura, como soja ou milho. “Outro fator a ser considerado é a lucratividade. A nogueira-pecã pode oferecer ao produtor rentabilidade, por área, até 10 vezes maior do que em relação às culturas tradicionais”, afirma Lara. “E isso vale tanto para as grandes quanto as pequenas propriedades, hoje temos cerca de três mil produtores parceiros, em cerca de 600 municípios do sul do País”.

A Divinut, empresa com 20 anos de tradição e sede com 30 mil metros quadrados, em Cachoeira do Sul, é especializada na produção de mudas, indústria e beneficiamento de noz-pecã. Em seu Sistema Divinut de Parceria, assegura aos produtores rurais assistência continuada em todas as etapas, como o planejamento do plantio, aquisição de mudas, aperfeiçoamento e compra da produção pelo preço de mercado.
O Brasil é o quarto maior produtor mundial de noz-pecã e se prepara para a colheita 2020, que começa no mês de abril. Cerca de oito mil hectares são cultivados nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. A safra 2019 foi de 3.500 toneladas.

A Divinut na Expodireto fica localizada junto ao estande da Emater – Florestas Comerciais. O parque de Exposições da Cotrijal fica no km 24, RS-142, aberto à visitação das 8h às 18h. A entrada é gratuita.

 

Mais informações sobre a Divinut

www.divinut.com.br

facebook.com/divinut/

 

Com informações de AgroUrbano Comunicação