28.2 C
Cachoeira do Sul
segunda-feira, 30 março, 2020 - 20:16
Cachoeira do Sul e Região em tempo real

Pelotas é campeão da Recopa em cima do Grêmio

Fotos: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O Grêmio entrou em campo na tarde deste domingo (19), no Estádio Boca do Lobo, para enfrentar o Pelotas, em partida válida pela decisão da Recopa Gaúcha 2020. O Tricolor foi a campo com o Grupo de Transição, comandado pelo técnico Thiago Gomes, visto que a equipe profissional finalizou nesta manhã a pré-temporada.Nos pênaltis, a equipe acabou sendo derrotada por 5 a 4, depois do empate em 1 a 1 na etapa regulamentar.

Logo nos minutos iniciais, o Tricolor buscou atacar e ameaçar os donos da casa. Um dos bons lances saiu com Ferreirinha, que arrancou pela direita, mas acabou desarmado por Osvaldir, que fez o corte pela lateral.

Já o Pelotas tentou responder aos 5 minutos, com Juliano acionado na entrada da área, mas Darlan fez o desarme. Na sequência, Hugo Sanches levou perigo e finalizou de frente para o gol, mas Rodrigues foi bem cortou pela linha de fundo.

Aos 12 minutos, a primeira grande chance gremista saiu dos pés de Isaque. Pelo meio, em contra-ataque, Jonatha Robert acionou o atacante que dominou e chutou, mas por cima. Em seguida, Patrick fez uma grande jogada individual, passando por dois na marcação, mas foi impedido pelo goleiro Douglas, que defendeu sua finalização.

Outra chance do Grêmio saiu de um lançamento do Darlan para Ferreira, mas o arqueiro do Pelotas se antecipou e cortou o meia-atacante.

Mas aos 16 minutos, o Pelotas conseguiu abrir o placar em cobrança de escanteio. A bola foi colocada na área por Hugo Sanches e Matheus Santana subiu para desviar para o fundo das redes.

Aos 23’, Ferreira combinou com Isaque, avançou para a pequena área, mas acabou desarmado. Na sequência, sofreu uma falta na meia esquerda.Jonatha Robert arrematou direto a meta e Douglas conseguiu a defesa com segurança. Em resposta, Felipe Guedes chutou de longa distância, obrigando Brenno a fazer boa defesa.

Com 29 minutos, quase que o Grêmio chegou ao empate, com uma jogada pela esquerda, mas quando Guilherme Guedes cruzou para Isaque, que chutou, para um milagre operado por. Douglas Silva. Cinco minutos depois, Darlan fez um lançamento para Ferreira, mas o arqueiro do Pelotas defendeu novamente.

Próximo aos 40’, Jonatha Robert recebeu em frente a grande área e finalizou a gol, mas mais uma vez o goleiro defendeu. Na reta final, Jonatha Varela tentou pegar a sobra de um lance, mas parou na defesa de Douglas.

Antes do primeiro minuto da etapa complementar, o Pelotas logo ameaçou com Hugo Almeida, que cruzou, mas Ruan dividiu com Hugo Sanches, impedindo a finalização. Em seguida, da extrema esquerda, Juliano cobrou uma falta direto para a meta, mas mandou pra fora.

Aos 3 minutos, Ferreira fez uma grande jogada individual, fez uma fila na marcação e acabou derrubado com falta de Matheus Santana. Na cobrança, Jonatha Robert arrematou de direita, mas a bola subiu demais.

Próximo aos 10’, o Pelotas teve uma falta, Jean cruzou no primeiro poste, mas a defesa gremista fez o corte pela linha de fundo. Depois de um escanteio, Hugo Almeida tentou a finalização, a bola ficou viva na área, mas Brenno defendeu.

O Tricolor chegou com uma jogada pela esquerda, em que Ferreira serviu Isaque, na área, mas a defesa adversária cortou pela linha de fundo. Em nova chance, a bola foi alçada no meio da área e Ruan desviou de cabeça. Só não entrou porque Douglas tirou com a ponta dos dedos.

A primeira alteração no Grêmio foi feita aos 23’, quando Patrick deixou o campo para dar lugar a Guilherme Azevedo. Aos 26 minutos, os donos da casa avançaram com Jô, que passou pela marcação e chutou cruzado, mandando à esquerda da meta defendida por Brenno. O Grêmio tentou reação com Isaque, que serviu Ferreira na entrada da área, mas o meia acabou isolando a bola, perdendo a oportunidade.

Com 35’, o Jonatha Robert cobrou um escanteio, colocando na área. Isaque tentou o domínio, mas não conseguiu.

O técnico Thiago Gomes promoveu a segunda alteração: tirou Jonatha Varela e colocou Da Silva, entrou

Aos 38 minutos, a bola foi cruzada na área por Felipe e Ferreira, de cabeça, mandou para o fundo do gol, empatando a partida. Tudo igual no Estádio Boca do Lobo.

A última alteração foi feita aos 41’ e Jonatha Robert saiu para Frizzo ocupar sua posição.

O Pelotas tentou tentou voltar a frente no placar com Felipe, que mandou de cabeça, mas Brenno fez uma grande defesa. Na sobra, Jô mandou longe.

O Tricolor seguiu buscando a virada. Em outra oportunidade, Ferreira fez uma linda jogada pela esquerda e acionou Da Silva, mas a finalização não saiu muito boa.

Com o empate, a decisão foi para os pênaltis:

O Grêmio iniciou as cobranças com Darlan, que cobrou no canto esquerdo de Douglas Silva.
Tatto cobrou para o Pelotas e também marcou, mandando no canto esquerdo de Brenno.
Frizzo foi o segundo a converter a penalidade para o Tricolor. Chutou no canto direito, balançando as redes.
Pelo Pelotas, Felipe Guedes também marcou, chutando no meio do gol, a meia altura.
O zagueiro Rodrigues cobrou, mas o arqueiro adversário conseguiu defender.
Juliano conseguiu marcar o terceiro para a equipe da casa.
O quarto a cobrar para o Grêmio foi Isaque, que chutou, assinalando e estufando as redes.
Matheus Santana converteu o quarto gol. Brenno não conseguiu alcançar a cobrança.
Ruan também marcou, deixando tudo igual novamente.
O último a cobrar foi Tadeu, que conseguiu marcar.

Com o resultado, de 5 a 4 nos pênaltis, Pelotas venceu o confronto e alcançou o título da Recopa Gaúcha.