23 C
Cachoeira do Sul
sexta-feira, 28 fevereiro, 2020 - 09:39
Cachoeira do Sul e Região em tempo real

Começa pagamento do Bolsa Família. Em Cachoeira são 3.800 beneficiários

 

 

Começa nesta segunda-feira (20) o pagamento de janeiro do Bolsa Família para os beneficiários cujo Número de Identificação Social (NIS) termina em 1. O número vem impresso no cartão do programa. Quem tem cartão com final 2 pode sacar o benefício no segundo dia de pagamento, e assim por diante, até o dia 31.

Em fevereiro, os primeiros pagamentos serão feitos no dia 12 e seguem até 28. De acordo com o Ministério da Cidadania, serão repassados R$ 2,5 bilhões para mais de 13 milhões de famílias em todo o país. O valor médio do benefício é de R$ 191.

Em Cachoeira do Sul, o programa Bolsa Família representa muito para 3.800 famílias. A renda mensal é de até R$ 178,00 per capita (R$ 89,00 para que não tem filhos). Segundo a Secretaria do Trabalho e Ação Social (Stas), o valor médio recebido é de R$ 171,00 o que resulta em R$ 638 mil de circulação todos os meses na cidade.

Ao todo, 8.800 famílias são cadastradas no CadÚnico em Cachoeira do Sul e têm acesso a benefícios como a tarifa social para a luz, o passe livre, a isenção na inscrição de concursos públicos e o BPC – Benefício de Prestação Continuada. A movimentação deste dinheiro na cidade é benéfica ao comércio, especialmente aos mercados de bairro, onde essas famílias fazem suas compras.

ATENÇÃO

Criado em 2003 como programa de distribuição de renda, o Bolsa Família atende a famílias em situação de extrema pobreza, com renda mensal de até R$ 85 por pessoa, e de pobreza, com renda mensal entre R$ 85,01 e R$ 170.

No caso das famílias pobres, têm acesso ao benefício aquelas com gestantes, crianças e adolescentes entre 0 e 17 anos. Os beneficiários recebem o dinheiro mensalmente e, em contrapartida, cumprem compromissos nas áreas de saúde e educação.

Para fazer parte do programa, o responsável pela família deve procurar um Centro de Referência de Assistência Social (Cras) ou um posto de atendimento do Bolsa Família no município. É necessário levar documentos de identificação pessoal, como carteira de identidade ou carteira de motorista e certidão de nascimento de todas as pessoas que vivem na residência.