17 C
Cachoeira do Sul
sábado, 18 janeiro, 2020 - 04:09
Notícias de Cachoeira do Sul e Região

Produtores vão à RGE para protestar pela falta de energia

 

 

Produtores rurais estão revoltados com a RGE. Foto: Cacau Moraes

 

A região do Capanezinho e Irapuá, interior de Cachoeira do Sul, está em pé de guerra com a concessionária RGE. Propriedades rurais estão sem energia elétrica desde segunda-feira (9) e, por isto, um grupo de produtores protestou na tarde desta quarta-feira (11) na filial da RGE localizada na Rua 15 de Novembro, no centro da cidade. Caso não consigam uma solução imediata, o grupo pretende acionar o Ministério Público.

A revolta com a concessionária é motivada pelo mau atendimento e também pela queda de um poste de madeira na segunda-feira à tarde o que provocou que mais 11 postes fosses derrubados. “Foi um efeito dominó”, disse Carolina Larrondo, moradora da localidade, acrescentando que de uma hora para outra, a rede desabou. “Os prejuízos são incalculáveis”, revelou.

O local atingido pela falta de energia é a Sanga das Pedras, na Estrada de Santana, proximidades da Mina da Palermo, no Irapuazinho. As propriedades que têm atividade na lavoura e na pecuária estão sem energia desde, às 9h30min, de segunda-feira.

Os prejuízos começam a ser contabilizados. Uma das propriedades da região, por exemplo, onde estão plantados 300 hectares de milho mais soja e feijão, não consegue realizar a irrigação das culturas. Além disso, há outras situações como perdas de vacinas, de alimentação, de preparo de alimento para o gado e o funcionamento de equipamentos necessários ao dia a dia do trabalho.