24.1 C
Cachoeira do Sul
domingo, 29 março, 2020 - 11:27
Cachoeira do Sul e Região em tempo real

“A Mulher Arrastada” é a principal vencedora do Prêmio Açorianos de Teatro

O espetáculo “A Mulher Arrastada”, dirigido por Adriane Mottola, foi o grande vencedor do Prêmio Açorianos de Teatro, entregue na noite deste sábado (6), no Centro Municipal de Cultura Lupicínio Rodrigues.

A partir de um episódio real ocorrido em 2014, o texto do dramaturgo Diones Camargo trata da figura trágica de Cláudia Silva Ferreira, mulher negra e pobre que, após ser baleada por policiais quando saía de casa para comprar pão, teve o corpo arrastado por uma viatura da PM no Morro da Congonha (RJ). A produção recebeu os prêmios de Melhor Espetáculo, Melhor Atriz para Celina Alcântara, e Melhor Iluminação para Ricardo Vivian.

O Prêmio Tibicuera, dedicado ao teatro infantil, teve dois espetáculos pontuando a disputa: “Macbeth e o Reino Sombrio – Shakespeare para Crianças” e “Expedição Monstro” cada um com cinco estatuetas. Macbeth recebeu os prêmios de Melhor Espetáculo, Direção e Ator Coadjuvante (ambos para João Pedro Decarli), Atriz (Camila Pasa) e Ator (Rodrigo Waschburger).

Produção arrebatou prêmios de Melhor Espetáculo, Atriz e Iluminação, em cerimônia no Centro Municipal de Cultura / Foto: Divulgação

“Expedição Monstro” foi reconhecida com os prêmios de Atriz Coadjuvante (Danuta Zaghetto), Dramaturgia (Matheus Melchionna), Cenografia (Rita Spier, Rodolfo Ruscheinsky e Maurício Schneider), Figurino (Mari Falcão e Camila Falcão) e Iluminação (Carol Zimmer). No Prêmio Revelação, o destaque foi para a peça “90 Ceias”, que foi o Melhor Espetáculo e Melhor Direção para Vitória Titton.

CONFIRA OS PREMIADOS

Açorianos Artes Cênicas

Prêmio Açorianos – Jurados: Thiago Pirajira, Roger Lerina, Glau Barros e Marga Ferreira para a definição dos indicados.

Melhor Espetáculo: A Mulher Arrastada
Melhor Direção: Ines Marocco, por Arena Selvagem
Melhor Ator: Paulo Flores, por Meierhold
Melhor Ator Coadjuvante: Lauro Ramalho, por Inimigos na Casa de Bonecas
Melhor Atriz: Celina Alcântara, por A Mulher Arrastada
Melhor Atriz Coadjuvante: Letícia Kleemann, por Nós (em Off)
Melhor Cenografia: Alex Limberger e Valquíria Cardoso, por Das Cinzas Coração
Melhor Figurino: Valquíria Cardoso, por Das Cinzas Coração
Melhor Iluminação: Ricardo Vivian, por A Mulher Arrastada
Melhor Trilha Sonora: Álvaro Rosa Costa, por Inimigos na Casa de Bonecas
Melhor Produção: Primeira Fila Produções, por Pátria Estrangeira/Fremde Heimat
Melhor Dramaturgia: Marcos Contreras e Sissi Betina Venturin, por A Fome

Prêmio Tibicuera – Comitê de seleção: Duda Cardoso, Duda Custódio e Tuta Camargo.

Melhor Espetáculo: Macbeth e o Reino Sombrio Shakespeare para Crianças
Melhor Direção: João Pedro Decarli, por Macbeth e o Reino Sombrio Shakespeare para Crianças
Melhor Atriz: Camila Pasa, por Macbeth e o Reino Sombrio Shakespeare para Crianças
Melhor Ator: Rodrigo Waschburger, por Macbeth e o Reino Sombrio Shakespeare para Crianças
Melhor Atriz Coadjuvante: Danuta Zaghetto, por Expedição Monstro
Melhor Ator Coadjuvante: João Pedro Decarli, por Macbeth e o Reino Sombrio Shakespeare para Crianças
Melhor Cenografia: Rita Spier, Rodolfo Ruscheinsky e Maurício Schneider, por Expedição Monstro
Melhor Figurino: Mari Falcão e Camila Falcão, por Expedição Monstro
Melhor Iluminação: Carol Zimmer, por Expedição Monstro
Melhor Trilha Sonora: Grupo MÚ, por Nesse Mundo Maluco
Melhor Produção: Mariana Beppler, por Super Gêmeas
Melhor Dramaturgia: Matheus Melchionna, por Expedição Monstro

Prêmio Revelação 2018
Comitê de seleção: Diego da Costa Ferreira, Edilaine Ricardo Machado, Francisco Macalão de Los Santos, Rodrigo Shalako Almeida de Carvalho

Melhor Espetáculo: 90 Ceias
Melhor Direção: Vitória Titton, por 90 Ceias
Melhor Atriz: Regina Ferrari, por 2Fudid*s
Melhor Ator: Fabrício Zavareze, por 2Fudid*s