Carregando...
Torne-se um assinante gratuitamente e desfrute das vantagens de ser um leitor VIP.
Assinar Agora

Itamar quer explicações de prefeito sobre áudios de CC

Quarta-feira, 11 de Outubro de 2017 às 09:56 por (jrr.ocorreio@gmail.com)
Intenção é esclarecer caso após citação do chefe do Executivo Municipal / Foto: OC

O programa Mais Notícias (7 horas às 9 horas) da Fan Mais 99.1 recebeu na manhã desta quarta-feira (11) os vereadores Itamar Luz (PSDB) e Luis Paixão (PP). A pauta foi a votação sobre a proposta de Luz em criar uma comissão especial para averiguar o caso dos áudios vazados que indicariam uma suposta negociação de cargo dentro da Prefeitura. "O prefeito foi citado na gravação. Ele tem que ser ouvido. Precisa esclarecer para a população o que aconteceu", argumentou Luz para justificar sua nova proposta de convocar respostas ao chefe do Executivo Municipal, Sérgio Ghignatti, acerca do tema.

Dois nomes do PMDB também foram citados nas gravações de WhatsApp: Igor Noronha e Felipe Franja. "Ja esperava que fosse esse o resultado. Lamento que a população não vai saber o que ocorreu de verdade", comentou Luz a respeito da votação que registrou 13 votos contrários e dois favoráveis pela implantação da comissão especial. "Quem não deve não teme. Nada tenho contra os dois vereadores. Ao contrário, admiro. Vieram de baixo e conquistaram espaço que muitos não conseguiram. Mas o melhor era o aval da Câmara", completou Paixão. Na avaliação de Luz, o resultado indica nova derrota na futura análise sobre a convocação do prefeito para tratar do assunto.

De acordo com o tucano e o progressista que foram votos vencidos, os dois não foram comunicados oficialmente sobre reunião com os envolvidos. "Desafio provarem que foi feito o convite. Estavam todos juntos e reunidos na mesma sala", estranhou o vereador Paixão.

Nesta terça-feira (10), o vice-presidente da Câmara, Carlos Alberto, participou do programa para tratar do mesmo assunto. "Todos foram convidados. Mas nem todos foram", afirmou durante sua entrevista. "Foi por causa da presidência. Tem gente que não aceita o acordo feito", acrescentou.

Ao ser questionado a respeito, Paixão foi taxativo. "Dizer que existe uma maioria e uma minoria na Câmara é de quem é pequeno. Se for por isso, eu não entendo o motivo de tanta preocupação. Vão sempre ganhar por terem maioria. Estão preocupado tanto assim por qual razão?", perguntou o vereador. "Não concordo com a metodologia escolhida para definir o rodízio na presidência. Mas respeito. Agora, nada impede que quem tenha vontade possa colocar seu nome à disposição", salientou.

A mulher que tem sua voz registrada nos áudios vazados ocupava cargo de CC e foi exonerada logo após o vazamento dos gravações.

TAG: Itamar Luz, Luis Paixão, Igor Noronha, Felipe Franja, Sérgio Ghignatti, Prefeitura, Câmara de Vereadores, Cachoeira do Sul
+ PolíticaVer todas
Estado aprova lei que limita cedência de servidores a sindicatos
Estado aprova lei que limita cedência de servidores a sindicatos
por Da Redação
O projeto de lei (PL) 148/2017, de autoria do Poder Executivo, que limita a cedência de servidores a entidades sindicais foi aprovado, nesta terça-feira (17), com 27 votos favoráveis e 21 contrários, e uma...
Emenda de José Otávio destina R$ 200 mil para Paraíso do Sul
Emenda de José Otávio destina R$ 200 mil para Paraíso do Sul
por Cacau Moraes
Está empenhada uma emenda do deputado federal José Otávio Germano (PP), no valor de R$ 200 mil, para Paraíso do Sul. O recurso deverá ser aplicado na área da saúde do município, conforme o...
Áudios: "Foi pela presidência", diz vereador sobre denúncia
Áudios: "Foi pela presidência", diz vereador sobre denúncia
por José Renato Ribeiro
Os vereadores de Cachoeira do Sul definiram por 13 votos a dois contra a proposta de Itamar Luz (PSDB) de implantar uma comissão especial para analisar a denúncia após o vazamento de áudios com suposta...
Por 13 a 2, Câmara rejeita investigar áudios de CC
Por 13 a 2, Câmara rejeita investigar áudios de CC
por José Renato Ribeiro
Os vereadores Itamar Luz (PSDB) e Luís Paixão (PP) foram votos vencidos na proposta de abertura de uma comissão especial que apuraria detalhes sobre a suposta negociação de uma vaga a uma servidora entre outros...
MPF pede aumento de pena para Lula no Caso do Triplex
MPF pede aumento de pena para Lula no Caso do Triplex
por José Renato Ribeiro
O Ministério Público Federal (MPF) protocolou na manhã desta sexta-feira (6) no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre, uma apelação que pode aumentar a pena do ex-presidente...
Assine, é Grátis
FeirãoVer todos
Cadastre um anúncio
O Correio Digital
Canal no Youtube do Jornal O Correio Jornal O Correio no Twitter Jornal O Correio no Youtube