Carregando...
Torne-se um assinante gratuitamente e desfrute das vantagens de ser um leitor VIP.
Assinar Agora

Compra de silêncio e R$ 2 milhões envolvem Aécio e Temer

Quarta-feira, 17 de Maio de 2017 às 20:16 por (jrr.ocorreio@gmail.com)
Filmagem foi feita em março, segundo denúncia / Foto: Agência Brasil

O dono da JBS, Joesley Batista, afirmou à Procuradoria-Geral da República que o presidente Michel Temer (PMDB) deu aval à compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB) e do operador Lúcio Funaro, ambos presos na Operação Lava Jato. 

As informações fazem parte de uma delação de Joesley que ainda não foi homologada pelo Supremo Tribunal Federal. O depoimento do empresário foi dado à PGR em abril e o conteúdo foi comunicado ao ministro do Supremo Edson Fachin, relator da Lava Jato na Corte.

Uma gravação sugere que Temer estava pagando a Cunha e Funaro para fazerem denúncias. O presidente, segundo o empresário, responde: "Tem que manter isso, viu?".

Ainda de acordo com o relato de Joesley, Temer indicou o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) para resolver "um assunto" da J&F, a holding que controla a JBS. Depois, Rocha Loures foi filmado recebendo uma mala com R$ 500 mil mandados pelo empresário.

A conversa entre Joesley e Temer teria acontecido no dia 7 de março no Palácio do Planalto. O empresário teria gravado a conversa com um equipamento escondido.

As assessorias de imprensa do presidente Michel Temer, da JBS e do deputado Rodrigo Rocha Loures ainda não emitiu manifestações.

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) também foi gravado, pedindo R$ 2 milhões a Joesley. O dinheiro foi entregue a um primo do presidente do PSDB, em cena filmada pela Polícia Federal. A PF rastreou o dinheiro e descobriu que ele foi depositado em uma empresa do senador Zezé Perrella (PSDB-MG).

Senador teria pedido montante, conforme depoimento prestado / Foto: Agência Brasil

Os diálogos e as entregas de malas (ou mochilas) com dinheiro foram filmadas pela PF. As cédulas tinham seus números de série informados aos procuradores. As malas ou mochilas estavam com chips para que se pudesse rastrear o caminho dos reais. Nessas ações controladas foram distribuídos cerca de R$ 3 milhões em propinas carimbadas durante todo o mês de abril.

Em duas oportunidades em março, Joesley conversou com o presidente e com o senador tucano levando um gravador escondido. A delação dos irmãos Joesley tem ainda um histórico de propinas pagas a políticos nos últimos dez anos.

TAG: Michel Temer, Aécio Neves, JBS, Polícia Federal
+ GeralVer todas
UPA registra 50 atendimentos em 3 horas de funcionamento
UPA registra 50 atendimentos em 3 horas de funcionamento
por Cacau Moraes
As primeiras três horas de funcionamento da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Cachoeira do Sul nesta quinta-feira (20) registrou a presença de 50 pessoas para serem atendidas. Na abertura, às 7h, havia uma pessoa que esperou...
Rincão dos Kochenborger ganha nova ponte de madeira
Rincão dos Kochenborger ganha nova ponte de madeira
por Da Redação
A Secretaria Municipal do Interior concluiu na última semana a ponte de madeira no Corredor do Kochenborger, no interior de Cachoeira do Sul. O trabalho foi feito pela equipe de pontes. A Prefeitura entrou com a mão de obra e parte da...
Grupo de Escoteiros Ibiraiaras completa 43 anos
Grupo de Escoteiros Ibiraiaras completa 43 anos
por José Renato Ribeiro
O dia era 19 de julho de 1974. Uma data que ficará na história do ideal do escotismo em Cachoeira do Sul. Afinal, foi quando nasceu o Grupo de Escoteiros Ibiraiaras. Ou seja, 43 anos que nesta quarta-feira (19) são alvo de...
Vereador e deputada apostam no restauro da Casa de Cultura
Vereador e deputada apostam no restauro da Casa de Cultura
por Cacau Moraes
O vereador Azevedo da Susepe e a deputada estadual Any Ortiz, que pertencem ao PPS, estão otimistas com a possibilidade de restauro da Casa de Cultura de Cachoeira do Sul. O parlamentar com o apoio da deputada solicitou ao Ministério...
24ª CRE promove formação para rede estadual nesta quinta
por Da Redação
A 24ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE) reúne professores e servidores das escolas estaduais de Cachoeira do Sul, Novo Cabrais, Cerro Branco e Paraíso do Sul nesta quinta-feira (20), para formação pedagógica, das 8h30min às 17h, no...
O Correio Digital
Canal no Youtube do Jornal O Correio Jornal O Correio no Twitter Jornal O Correio no Youtube