Carregando...

É perigoso elogiar e reconhecer, pior é ignorar!

Terça-feira, 06 de Março de 2018 às 18:56 por (telmopadilha@gmail.com)

Depois de um belo domingo com a praça Balthazar de Bem lotada de expositores  oferecendo um lindo e diversificado cardápio de produtos caseiros e artesanato, chegou a hora de recolher. O público vai para suas casas. Expositores recolhem seus produtos e a praça vai ficando vazia. Fim da luz do sol. Termina mais uma edição do Mercado de Pulgas. E a praça, depois de um intenso movimento com gente de todos os lugares, volta ao sossego. Caminho de muitos, recanto de poucos.

As luzes se acendem e a movimentação é outra. Famílias e jovens só ou acompanhados apreciam com alegria a iluminação da Catedral, do prédio da Antiga Casa de Câmara, Cadeia e Júri e a imponência de Netuno no pico do Château d’Eau.

Nesse último é preciso lembrar que o responsável pela execução das obras de restauração nos apresentou a gigantesca simbologia que compõe aquele monumento. Conseguindo surpreender e reforçar a importância daquela construção. Talvez a ser melhor descrita no livro que se espera lançar na comemoração do segundo ano da inauguração dessa restauração.

Ocorre uma constatação que pode surpreender. Estamos às vésperas da comemoração do   primeiro ano, ou seja 25 de março, data oficial da inauguração daquelas obras e também do Tombamento em nível estadual, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado do Rio Grande do Sul. Ato que colocou no mapa, mais um bem reconhecido, enriquecendo os registros históricos da formação do Rio Grande do Sul.

Surpreende no entanto, o fato de que, passado praticamente um ano o Château d’Eau está intacto. Tem umas marquinhas de tênis e sapatos nas paredes, no entanto, consideradas normais pela visitação de crianças de diversas idades.

Motivo maior da surpresa é a ausência de pichação de qualquer tipo e o que nos alegra e entusiasma é a presença de um guarda noturno, todas as noites, equipado para a vigilância, protegendo o Château d’Eau, a Casa de Câmara, Cadeia e Júri e também a Catedral.

Uma iniciativa do poder público municipal que deve ser reconhecida e valorizada. Esperamos que continue assim. De um lado a sociedade admirando e respeitando. Do outro as medidas de proteção. Beleza!

TAG: telmo padilha
+ ColunasVer todas
Para torcer com estilo: Copa 2018
Para torcer com estilo: Copa 2018
por Luciane Silveira
Para os torcedores e torcedoras da seleção brasileira que não dispensam torcer para o Brasil com looks super produzidos, separei algumas inspirações para arrasar, nas ruas ou assistindo aos jogos da nossa...
Amar as pessoas
Amar as pessoas
por Cleo Boa Nova
Mas, afinal, como sabemos quando estamos nos amando? É quando estamos fazendo o maior bem que alguém pode fazer pra si mesmo: evitar o próprio sofrimento. E ao citar sofrimento, me refiro a todas as situações do...
A Freira: Spin-off de Invocação do Mal ganha trailer
A Freira: Spin-off de Invocação do Mal ganha trailer
por Rafael Bordignon
Preparados para os pesadelos hoje à noite? Pois o primeiro trailer de A Freira acabou de ser lançado! Taissa Farmiga e Demian Bichir serão os protagonistas do longa dirigido por Corin Hardy, enquanto Bonnie Aarons volta a...
Entre na linha: calças estilosas
Entre na linha: calças estilosas
por Luciane Silveira
As calças esportivas, com listras laterais, estão ganhando as passarelas e as ruas, cheias de estilo, emprestam a decoração de listras laterais para looks chiques e casuais. Em tecidos fitness, jeans ou tecidos nobres, a...
Comandante ou comandado?
Comandante ou comandado?
por Cleo Boa Nova
Acho importante voltar a referir aqui o espetacular trecho de uma palestra que assisti em Novo Hamburgo num evento promovido pela Seicho-No-Ie, chamado Seminário da Luz. O palestrante contou mais ou menos a seguinte história: "um...
Assine, é Grátis
OCorreio Digital
Canal no Youtube do Jornal O Correio Jornal O Correio no Twitter Jornal O Correio no Youtube
  • O Correio Digital
  • Rua 15 de Novembro, 884 - CEP: 96508-751 | Cachoeira do Sul - RS
  • (51) 3724-0300