Carregando...

A besta humana

Terça-feira, 18 de Abril de 2017 às 11:09 por (julianasgn@gmail.com)

Em 1890, A Fera Humana, ou A Besta Humana, teve sua primeira publicação. La Betê humaine é uma obra da literatura clássica universal. Sua classificação naturalista, escrita por Émile Zola, tem como ideia central a batalha do maquinista de trem com relação a sua compulsão alcoólica, herdada do pai. Trava uma luta entre o domínio da própria hereditariedade e seus instintos, mantendo as forças do vapor, que movem a locomotiva. É um desafio e tanto.

Diante das notícias, nos últimos dias, fiquei pensando sobre a obra. Embora a besta mecânica seja humanizada, na medida em que a leitura do livro evolui, o controle é essencial. Dentre as noticiadas, foi o assédio sexual, envolvendo o ator José Mayer, uma das mais comentadas.

Ele foi considerado símbolo sexual. Interpretou, em novela, um homem rude. Mexeu, na época, com a libido feminina. Na atualidade, o título caiu por terra. O paradigma simbólico de machão foi-se. Nem a carta pedindo desculpas é capaz de minimizar a situação. Até porque não há o que minimizar, não é mesmo? O domínio da fera humana é urgente. Mesmo que a demonstração de masculinidade, em outros tempos - e na atualidade -, seja percebida nos moldes do ator, é praticamente universal a civilidade, embora em algumas culturas naturalizem-se atitudes nem um pouco humanizadas, conforme as veiculadas.

 

Cinto de segurança

O acidente ocorrido no domingo causou tristeza. Vidas foram interrompidas bruscamente. Mãe e filha. A alta velocidade, o tempo chuvoso, talvez as árvores muito próximas da pista. A pequena, no banco da frente, ambas sem cinto de segurança. Muitas análises após o acidente. Não cabe julgamentos, porém, refletir sobre nossas atitudes e seus desdobramentos, ao conduzir veículos, seja necessário.

 

Honestidade

Apesar do cenário político neste país e das últimas notícias sobre a Lava Jato, ainda tem muitas pessoas agindo honestamente. Se assim não fosse, o mundo estaria perdido de vez. Mas queremos um mundo melhor, não é mesmo? Pois bem, mesmo estando um tanto quanto massificado os desonestos, uma pessoa, ao manobrar o carro, dia destes, raspou em outro veículo estacionado. Deixou o contato. Tudo resolvido. Honestidade só faz bem.

 

Projeciologia

O neologismo projeciologia, proposto pelo medium, Dr. Waldo Vieira, em 1979, trata da consciência em tempo integral, fora do corpo. Em seu livro, Projeções da Consciência, os relatos do médico elucidam sobre projeciologia. Este livro faz parte do acervo da Biblioteca Pública Municipal. 

TAG: Juliana da Silva
+ ColunasVer todas
Facebook lança aplicativo para descobrir locais e eventos
Facebook lança aplicativo para descobrir locais e eventos
por Rafael Bordignon
 O Facebook anunciou nesta quarta-feira (25), o lançamento, no Brasil, do aplicativo "Facebook Local" para Android e iOS. O aplicativo é uma espécie de extensão do recurso "Eventos" da rede social...
Do leitor prô diretor de redassão
Do leitor prô diretor de redassão
por Telmo Padilha
Prezado Cem or! Eu não vou muito com a cara desse colunista de vocês. Esse aí que usa uns óclinho! Premeiro, porque ele é muito fraquinho nos argumentos dele. Segundo, porque ele sempre tem uma má...
Recebemos o que damos.
Recebemos o que damos.
por Cleo Boa Nova
A forma mais certeira e inconteste que temos de ser tratados pelas outras pessoas como gostaríamos que elas nos tratassem, é tratá-las exatamente da maneira que queremos ser por elas tratados, sempre. Porque é muito,...
Camisas poderosas: gola-laço parte I
Camisas poderosas: gola-laço parte I
por Luciane Silveira
Nada mais chique do que uma bela camisa, de tecido, com corte perfeito e que veste muito bem. Um “up” em qualquer visual. As camisas sociais, ficam ótimas em qualquer estilo. Seja sob um blazer ou jaqueta super descolada. As...
Olha aí: quem tá devendo levanta a mão?
Olha aí: quem tá devendo levanta a mão?
por Telmo Padilha
Nem adianta se esconder. Os telefones fixos não vão parar de tilintar até seus ouvidos sangrarem. Melhor desligar o celular. Cartinhas chegarão em centenas. Se possuir e-mail, vão entupir sua caixa de mensagens....
Assine, é Grátis
OCorreio Digital
Canal no Youtube do Jornal O Correio Jornal O Correio no Twitter Jornal O Correio no Youtube
  • O Correio Digital
  • Rua 15 de Novembro, 884 - CEP: 96508-751 | Cachoeira do Sul - RS
  • (51) 3724-0300